Guia Completo: como financiar um imóvel 2022

Você tem o sonho de conquistar a casa própria? Então continue lendo! Vamos te mostrar os tipos de financiamento, documentos necessários e dicas de como conseguir a aprovação de crédito.

Você que está buscando sua casinha, sabe que comprar um imóvel é algo que não basta apenas sonhar, precisa ter planejamento financeiro. E claro, o dinheiro, né?

Isso mesmo, precisa ter uma quantidade considerável de dinheiro para construir esse sonho. Resumidamente, o interessado em comprar precisa pagar uma entrada para quem está vendendo o imóvel e aí o valor restante desse imóvel deverá ser pego emprestado com um banco ou instituição  financeira que vai emprestar cobrando juros.

Até que o valor emprestado seja quitado, sua casinha fica pertencendo ao  banco que concedeu o financiamento.

O que eu preciso para financiar um imóvel?

Para financiar um imóvel é preciso conversar com um banco e apresentar documentos para que ele faça uma  análise de crédito do seu perfil. Confira seu score e se existem pendências no seu nome.

Só depois de tudo isso que ele libera o valor,  mas antes de chegar à fase de conversa com o banco é importante entender qual tipo de  imóvel você quer, estudar o seu orçamento financeiro e calcular quanto você pode pagar  mensalmente nas parcelas do financiamento. Combinado?

Agora já anota tudo ai, e prepara o papel e caneta, porque a lista de documentos para financiar um imóvel é longa. Os documentos necessários são esses:

  • Rg
  • CPF
  • Extrato do FGTS
  • Extrato do bancário
  • Carteira de trabalho
  • Comprovante de estado civil
  • Declaração de imposto de renda
  • comprovante de renda atualizado
  • Comprovante de endereço atualizado
  • Certidão conjunta de débitos referente à tributos federais

Nossa dica para não deixar nenhum documento para trás é guardar todos no mesmo lugar e ir riscando da lista aqueles que você já conseguiu.

E qualquer um pode financiar um imóvel?

Não! Apenas pessoas com mais de 18 anos e que apresentarem os documentos que eu disse anteriormente.

Além disso, alguns bancos, como a Caixa, têm os seguintes requisitos para financiar um imóvel: ser brasileiro, ter capacidade de pagar e as parcelas do financiamento não podem ser maiores do que 30%  da renda mensal da sua família.

Está anotando tudo?

Agora vamos falar dos tipos de financiamento. O Sistema Financeiro de Habitação, SFH, e  Sistema de Financiamento Imobiliário, o SFI, Começando pelo SFH, ele foi desenvolvido pelo Governo Federal em 1964 e é o sistema mais usado em financiamento, liberando recursos financeiros instantaneamente após a aprovação.

Os recursos desse financiamento vêm dos depósitos do FGTS e da poupança, podem ser usados para comprar um imóvel  e também para reformar ou construir.

As pessoas que optam por este tipo de  financiamento podem financiar até 80% do valor do imóvel e parcelar em até 35 anos,  a taxa de juros é baixa e fixada em no máximo 12% ao ano e os imóveis precisam ter o valor de até 1.5 milhão de reais.

Agora, atenção às regras de financiamento do SHF. O imóvel precisa estar registrado no cartório de registro de imóveis, o FGTS não pode ter sido usado nos últimos três anos para financiar ou  construir outros imóveis e o imóvel só pode ser usado para moradia, ou seja, ele não pode ser  alugado ou ser utilizado para fins comerciais.

Uma grande vantagem do SFH é que o programa Minha Casa Minha Vida usa este sistema de financiamento, o que o torna muito acessível para muitos brasileiros.

Para você que não se encaixou nos  requisitos do SFH, te apresento SFI, sistema de Financiamento Imobiliário.

Ele é bem parecido com o anterior, mas é um pouco mais flexível em relação  às regras, taxas de juros e prazos. Uma grande vantagem do sistema SFI é que você pode financiar até 100% do valor do imóvel.

Entretanto, existe uma desvantagem é que não é  pode usar o seu saldo do FGTS para o financiamento.

Eu sei que financiamento dá um nó na cabeça mesmo, mas se ficou alguma dúvida, nos conte aqui nos  comentários que vamos te responder.

Aproveita e comenta: tem algum tipo de financiamento que você gostaria de saber mais sobre?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.